Redação Onde.ir

Gramado lança campanha contra a panfletagem e abordagem abusiva

Mais uma importante ferramenta contra a panfletagem e a abordagem abusiva em Gramado foi lançada. A Prefeitura e as entidades ligadas ao turismo e ao comércio da região uniram esforços e promovem uma campanha de conscientização, com o objetivo de tornar a cidade o mais hospitaleira possível, sem perder a essência que a tornou o segundo melhor destino de viagens do Brasil. A intenção é conscientizar turistas, empreendedores, empresários e a comunidade Gramadense a não aceitarem os panfletos e as ações de abordagem, realizando denúncias aos órgãos competentes.

A divulgação da campanha se dará por meios de folders educativos, que serão distribuídos em locais estratégicos, como restaurantes, bares, lojas, hotéis, nos pedágios que dão acesso à cidade, além do Prédio Administrativo da Prefeitura. Os folders educativos não serão distribuídos de mão em mão, em via pública.

O prefeito João Alfredo Betolucci, o Fedoca; o secretário de Planejamento, Jeferson Zatti; o coordenador de Publicidade, Raphael Masotti Cardoso; a presidente da Abrasel, Angelita Foss Ecker; o executivo da Abrasel, Alberto Ecker; a gerente executiva do SINDTUR, Lisa Gottschalk; o gerente executivo do Convention & Visitors Bureau, Luciano Gonçalves; o diretor financeiro da CDL, Marcelo Broilo; o executivo do Sindilojas, Nilvio Castanheiro; o conselheiro da Abrasel, Idacir Cardoso; o diretor institucional da Abrasel, Ronildo Barth, reuniram-se nesta terça-feira, na Prefeitura, para o lançamento da campanha.

“Fico muito satisfeito com essa parceria entre as entidades e a administração. Queremos trabalhar com a regularidade dos serviços no município, proporcionando a moradores e turistas a possibilidade de desfrutar do melhor da cidade, por isso essa união entre iniciativa pública e privada é tão importante”, salientou o prefeito.

Segundo a coordenação da campanha, “o mais importante deste lançamento é firmar o direito da nossa população e do nosso turista de circular pela cidade e aproveitar as belezas que Gramado tem a oferecer. É incômodo ter a sua liberdade invadida a cada esquina. Queremos garantir que nossa cidade não perca seus ideais”.

 

Últimas notícias: 

Inverno em Gramado terá exposição de Bicicletas Decoradas

Feira do Livro reúne 30 mil pessoas no final de semana

Tempo em Gramado de 18 à 23 de Junho

Prefeitura de Gramado fará jornada especial nos dias de jogos da Seleção

Veja o horário de atendimento dos bancos nos jogos do Brasil na Copa

 

Auxílio ao trabalho de fiscalização

A campanha é um alerta e também um auxílio ao trabalho de fiscalização já realizado pela Secretaria de Planejamento. Em 2017, a Prefeitura alterou a Lei Municipal 3215/2013, tornando mais rigoroso o sistema de multas e autuações. As penalidades aos infratores ficaram mais altas, passaram a ser gradativas e podem resultar na cassação do alvará de localização e funcionamento.

“Esta campanha contra a panfletagem vem a fortalecer e conscientizar as pessoas da ilegalidade do ato. Muitos não sabem que essa prática é ilegal e, a partir disso, podem realizar denúncias, auxiliando no trabalho da fiscalização”, garante o secretário de Planejamento, Jeferson Zatti.

Também no ano passado, os fiscais passaram a usar câmeras GoPro acopladas aos coletes, objetivando dar mais eficácia à comprovação das infrações. Os equipamentos foram doados por entidades e sindicatos a partir de uma parceria com a administração municipal.

As estratégias para o lançamento da campanha contra a panfletagem vinham sendo traçadas desde abril, em parceria com o Executivo e as entidades Associação Brasileira de Bares e Restaurantes – Região das Hortênsias – Abrasel; Sindicato dos Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares – SINDTUR – Região das Hortênsias; Sindicato dos Dirigentes Lojistas da Região das Hortênsias – Sindilojas –; VISÃO – Agência de Desenvolvimento Região das Hortênsias; Conselho de Dirigentes Lojistas – CDL; e Convention &Visitors Bureau Gramado e Canela.

Denuncie a panfletagem e abordagem:
http://www.gramado.rs.gov.br/fala-cidadao
(54) 3286.2500

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *