Redação Onde.ir

SuperLiga Masculina de Vôlei reúne mais de 1,8 mil pessoas em Gramado

1.jpg

Mais de 1,8 mil pessoas prestigiaram o grande jogo da Super Liga Masculina de Vôlei que ocorreu em Gramado, no último sábado (3), no Ginásio José Franscisco Perini, o Perinão. A partida entre o Lebes Canoas e o EMS Taubaté Funvic envolveu tanto os apaixonados pelo esporte como a comunidade em geral, que prestigiou pela primeira vez em Gramado o jogo de um campeonato nacional da modalidade, com a presença de campeões olímpicos.

“Foi muito bacana trazer essa atividade para o município. A Superliga é um jogo de repercussão nacional de grande visibilidade. O melhor de tudo foi que a comunidade abraçou o evento, participou e acompanhou o jogo”, ressalta o secretário de Esporte e Lazer, Jacó Schaumloeffel.

O secretário Jacó ainda salientou a importância das parcerias firmadas durante a divulgação e montagem do evento, e estuda a possibilidade de outras partidas deste porte em Gramado. “O sucesso deste jogo abre portas para outras atividades semelhantes. A SMEL está buscando incentivar as mais diversas práticas esportivas”, finalizou.

Na partida disputadíssima, o EMS Taubaté Funvic levou a Taça Cristais de Gramado. A equipe venceu por 3 sets a 2, com parciais de 25/27, 25/19, 25/23, 22/25 e 15/11, em 2h30 de jogo.

Com a vitória, o EMS Taubaté Funvic chegou a 33 pontos e segue na quarta posição na tabela de classificação da Superliga. Para chegar ao resultado positivo, o time taubateano contou com boa atuação do central Otávio, eleito, por votação popular no site da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), o melhor do jogo, premiado com o Troféu VivaVôlei.

Grandes estrelas do vôlei estiverão na disputa em Gramado. O Taubaté tem em sua equipe os destaques: Sebastian Solé, da Seleção Argentina; Marko Ivović, da Seleção Sérvia (melhor jogador da Liga Mundial de Vôlei em 2017); além dos campeões olímpicos, Dante Amaral (Atenas 2004), Wallace de Souza e Ricardo Lucarelli (Rio 2016). Ainda integram a equipe do Taubaté, Raphael Oliveira e Otávio Rodrigues Pinto, do giro da Seleção Brasileira, e Thales Gustavo Hoss, líbero titular da seleção.

Na equipe do Canoas, estão Matheus Hoffmann, campeão mundial Sub 23, um dos melhores atacantes e bloqueadores da competição, e os jogadores Pedro Teles, Aboubacar Dramé Neto, Michel de Souza, Eduardo Rodrigues, Rodrigo Leandro da Silva e Pallotti.

Atletas auxiliam a confeccionar troféu do jogo da Super Liga

Os campeões olímpicos Gustavo Endres e Dante Amaral ganharam uma missão especial em Gramado: eles auxiliaram na confecção do troféu entregue ao vencedor do jogo da Super Liga na cidade, o Taubaté. Ofertado pela Cristais de Gramado, o troféu foi feito pelos artesãos Marcelino Dias, Luciano Montagna e Fábio Luiz Bauer. Em cristal transparente e pesando 6 kg, a taça tem o formato de duas mãos segurando uma bola de vôlei, que representavam as mãos dos próprios atletas – Gustavo e Dante.

Os campeões também conheceram todo o processo de confecção das peças, a partir da técnica milenar “di murano”. Originalmente desenvolvida em Veneza, em meados de 1290, a técnica é um verdadeiro ritual de criação: o cristal líquido, em uma temperatura de 1.400 graus centígrados, é moldado por meio de sopro e movimentos manuais que resultam nas peças de design exclusivo. Gustavo e Dante auxiliaram os artesãos da Cristal de Gramado na etapa do sopro e dos movimento manuais.

“O processo de fabricação é incrível, ficamos admirados com o talento dos artesãos e com a técnica. Estamos muito felizes com essa homenagem”, relatou Gustavo.

O jogador Raphael Oliveira, do Taubaté, o secretário de Esporte e Lazer, Jacó Schaumloeffel, e a diretora de esporte, Mônica Angeli, acompanharam os campeões olímpicos na confecção do troféu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *