Dicas de Gramado e Canela

As praças de Gramado

A Avenida Borges de Medeiros é uma das principais vias da cidade gaúcha de Gramado, sendo considerada um dos pontos turísticos e econômicos da cidade, pois nela funcionam vários estabelecimentos comerciais que lhe conferem o status de um shopping a céu aberto.


Outro ponto de referência turística da Avenida Borges de Medeiros é o Palácio dos Festivais, onde acontece, anualmente, o Festival de Cinema de Gramado. Bem como a Igreja Matriz São Pedro, recentemente premiada como o 3º principal atrativo turístico do Brasil pelo site de viagens TripAdvisor.

A avenida foi uma das primeiras vias abertas pelos colonizadores da região e, atualmente, a mesma possui uma arquitetura moderna, tanto pelo estilo enxaimel de seus prédios quanto pelos cabos de energia/telefonia que são subterrâneos, além do seu canteiro central exibindo belas flores, compondo uma rótula que demonstra os principais eventos do município.

É também nessa Avenida que se localizam as principais praças da cidade, que têm como intuito exibir o que de mais belo há em Gramado, além de fomentar o turismo através de produtos produzidos e criados no município, sendo uma área de descanso, passeio e convivência dos gramadenses e visitantes.

 

Praça Major Nicoletti

Inaugurada em 1936 e reinaugurada em 2003, recebeu o nome do 1º subintendente do local, responsável pela localização atual de Gramado, núcleo da sede desde 17 de janeiro de 1913. A praça compõe, com a Igreja Matriz São Pedro e o Palácio dos Festivais, um dos cenários mais característicos da cidade. O local possui acessibilidade e entra gratuita. Endereço: Av. Borges de Medeiros.

 

Praça das Etnias


É na Praça das Etnias que se localiza a Casa do Colono, onde você encontra produtos típicos produzidos no interior da cidade, além da Associação Várias Artes, local destinado à exposição e venda de produtos artesanais produzidos na cidade. O local possui acessibilidade e entrada gratuita. Endereço: Av. Borges de Medeiros (ao lado da Rodoviária).
 Fotos: Karen Pinheiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *