Redação Onde.ir

Fórum Gramado cresceu 24% em sua segunda edição

Encerrou sábado (11) a segunda edição do Fórum Gramado de Estudos Turísticos, que este ano registrou 827 participantes inscritos, vindos de 23 estados brasileiros. O número foi 24% superior ao registrado na primeira edição, realizada em 2018.


Para o presidente do Fórum, Luia Barbacovi, o evento “foi um grande sucesso pela qualidade do público e do alto nível dos palestrantes”. Era um público interessado, que não veio para passear em Gramado”, destacou Barbacovi. “O nível dos palestrantes foi excelente e a variedade de temas fez com que as prefeitos e secretários, por exemplo, tivessem a visão de diversas ações que poderão adotar, tanto na área de cultura, construção, de parque e de inovação”, complementou o dirigente.

Entre os painéis que despertaram maior interesse do público, estava o do criador de espetáculos de Cirque du Soleil, Michel Lemieux, que ressaltou a importância das cidades usarem a tecnologia para se tornarem mais poéticas, citando um projeto de Montreal, no Canadá. No momento ele trabalha em um projeto semelhante para Paris, mas defende que seja adotada por cidades menores, como é o caso de Gramado. Silvonei José, Doutor em Comunicação e a voz do Papa no Brasil, falou sobre turismo religioso, um tema mais amplo do que parece e da relação entre trilhar o caminhos da fé e procurar em outro lugar aquilo que só pode ser encontrado dentro de nós mesmos.

Destaque também para a portuguesa Dra. Lília Ana Águas, membra da Direção da Associação Rota da Bairrada em Portugal, que abordou o caminho percorrido pela associação na consolidação do turismo relacionado à produção do vinho. Marcus Rossi, CEO da Summit Hub falou sobre a transformação e desafios do turismo a partir de plataformas digitai, ressaltando que aperfeiçoar, muitas vezes, é melhor que criar, afinal, a roda já foi inventada. In Hsieh, CEO da Chinnovation, apresentou os grandiosos números da China no cenário mundial, enfatizando a relação do turismo com a tecnologia tem um longo caminho para avançar. E Imagine Gramado com um teatro? Foi a pergunta que lançou o Maestro Linus Lerner, do Gramado in Concert no painel sobre atrações culturais. Já o painel sobre parques temáticos contou com palestra de Alain Baldacci, do SINDEPAT e presidente do Wet’n Wild e Renato Fenterseifer, do Alpen Park com mediação de Paulo Mentone, diretor-executivo do Snowland. Segundo Baldacci: “só os parques temáticos e atrações planejadas são capazes de aumentar o público de um destino turístico.” Finalizando, cabe destacar também as sábias palavras do professor – e um dos idealizadores do evento – Romeo Riegel, em meio à relevância e amplitude dos temas discutidos e analisados: “não vamos permitir que a tecnologia faça desaparecer a nossa humanização.”

O Fórum Gramado de Estudos Turísticos foi uma realização do SindTur Serra Gaúcha e contou com o apoio da Prefeitura de Gramado e da Câmara de Vereadores de Gramado. Ao final do último dia do evento, foi anunciada a data da terceira edição do Fórum Gramado de Estudos Turísticos, que acontecer entre 14 e 16 de maio de 2020.

Mais informações: www.forumgramado.com.br

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *