Câmera flagra professora pressionando travesseiro em criança de 2 anos em creche no RS

Foi presa na tarde desta sexta-feira (12) em São Sebastião do Caí, a cerca de 80 km de Porto Alegre, a professora de uma creche suspeita de tentar asfixiar uma criança de dois anos de idade. Uma câmera de segurança da sala registrou a agressão.

O caso aconteceu nesta semana. O vídeo mostra o momento em que a professora pega um travesseiro e coloca sobre o rosto da criança. Ela para de pressionar quando outras funcionárias da creche entram na sala.

A menina estava há apenas quatro dias na creche, que é particular. Os pais notaram que ela ficava chorosa, e que não gostava de ir para lá, mas atribuíram o problema a dificuldades de adaptação. Até que a mãe foi surpreendida enquanto trabalhava por uma ligação da polícia.

A funcionária que flagrou os maus-tratos informou a direção da escola, que procurou a delegacia depois de localizar o vídeo da câmera de segurança que registrou a agressão.

"Só quero que a justiça seja feita, que isso não fique impune. Porque assim como aconteceu com ela, pode ter acontecido com mais crianças, porque ela já estava lá há um ano", desabafa o pai da criança, que pediu para não ser identificado.

A professora foi demitida e presa preventivamente. O delegado que investiga o caso vai ouvi-la antes de decidir por qual crime ela será indiciada.

"Como pai, eu acho que é repulsivo, o que ela fez, qualquer pai ficaria consternado. E como delegado de polícia, numa visão mais técnica, eu acho que ficaria entre uma tortura, uma tentativa de homicídio, porque ela tentou asfixia", pondera Marcos Eduardo Pepe.

"Acho que qualquer um que faça isso, tenta sufocar, sabe que a pessoa não vai consegui respirar, ainda mais uma criança de tenra idade", completa.

Segundo, os pais a menina está traumatizada.

Copyright

© G1 - Globo

Mulher presa por furto de energia em templo invest...
Nova testemunha diz ter visto suspeitos no local o...