Justiça Federal no RS concede licença-maternidade a pai que cria  filha sozinho

Komorwski destacou ainda que, atualmente, a legislação só garante a obtenção da licença-maternidade ao homem em casos de adoção ou da morte da mãe da criança. No entanto, ele apontou que, no seu entendimento, "não é adequada, em pleno século XXI, a exclusividade de tais benefícios à mulher, quando o homem (pai) assume isoladamente os cuidados dos filhos".

Copyright

© G1 - Globo

Governo do RS encerra negociação com professores a...
Com mais vagas para Medicina e Odontologia, PUCRS ...