Primeira etapa da obra de ampliação do aeroporto de Passo Fundo deve ser concluída em um ano

Em cerimônia nesta quinta-feira (7) no Palácio Piratini, em Porto Alegre, foi assinado um termo de compromisso entre o governo federal e o estado para ampliação do Aeroporto de Passo Fundo, no Norte do Rio Grande do Sul. A obra é um desejo antigo da região.

A previsão é que a reforma comece no ano que vem, e a primeira etapa deve ser concluída ainda em 2018.

A situação precária da atual estrutura tem dificultado o serviço no terminal aéreo. Só neste ano, a cidade perdeu dois voos diários.

O aeroporto de Passo Fundo é o terceiro do Rio Grande do Sul e o segundo maior do interior do estado em número de passageiros.

O termo de compromisso permite a abertura da licitação para realizar a obra. A previsão é de um investimento de R$ 45 milhões. Do total, 97% serão provenientes do governo federal e os 3% restantes serão disponibilizados pelo estado.

De acordo com o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil do Brasil, Maurício Quintella, os recursos serão liberados conforme o cumprimento das etapas previstas no cronograma de trabalho. "Até 2018, teremos o empenho de R$ 27 milhões do orçamento para recuperação das pistas e os demais recursos pós 2019", afirmou ele na solenidade.

Além dele, outras autoridades compareceram, como o governador José Ivo Sartori (PMDB), o chefe da Casa Civil da Presidência da República, ministro Eliseu Padilha, e o secretário Estadual dos Transportes, Pedro Westphalen.

A primeira etapa da obra inclui a recuperação da pista de pouso e decolagem, a regularização das faixas de pista para operação por instrumento e das áreas de segurança. Os trabalhos devem concluídos até dezembro do ano que vem.

Copyright

© G1 - Globo

Adiamento da venda de ações do Banrisul gera incer...
Governo do RS anuncia pagamento de salários a serv...