Redação Onde.ir

Projeto gramadense é apresentado em Porto Alegre

Os resultados do projeto “Revisitando o passado e ressignificando o presente”, desenvolvido entre os alunos dos 4º Anos da EMEF Dr. Carlos Nelz – Caic, foram apresentados nesta quarta-feira (14), em Porto Alegre, na Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT). O trabalho desenvolvido em Gramado faz parte do projeto piloto Educação Coempreendedor@. O objetivo é capacitar e incentivar os professores a inovarem em suas práticas educativas.


Os municípios que aderiram ao projeto são Gramado, São Francisco do Sul, Cambará e Rio Grande (este último acabou desistindo em decorrência da greve da rede estadual). Este é o primeiro ano do projeto, considerado ainda piloto e contou com o apoio de várias instituições de ensino como PUCRS, UFRGS, Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, UERGS, IFRS Campus Porto Alegre, além das secretarias de Educação do Ceará e de Pernambuco e da Universidade do Minho, de Portugal.

Em Gramado, a ideia foi posta em prática pela professora Luciana de Oliveira e contou com a colaboração das professoras Haidê Pereira Borges e Neiva Giacometti, também do Caic. Desde o início do ano, os alunos do 4º ano começaram a realizar pesquisas sobre os grupos étnicos que foram importantes para a formação do município. Os trabalhos foram realizados com coleta de dados em fontes históricas, como as disponíveis no Arquivo Público, além de diversas atividades de pesquisa com o uso da internet e de outras mídias e tecnologias. Os pequenos também tiveram aulas de alemão e italiano e traduziram o hino do município para os dois idiomas. Também participaram de palestras e visitas a municípios próximos, como Nova Petrópolis. Na última sexta-feira, eles fizeram uma apresentação geral à comunidade que contou também com a participação do prefeito Nestor Tissot e a degustação de pratos típicos da culinária dos colonizadores.

Nesta quarta-feira, representantes da Secretaria Municipal de Educação e da escola Caic, assim como os alunos participaram da reunião em Porto Alegre. Durante o encontro foram apresentados os resultados, com os relatórios das ações desenvolvidas. A atividade contou com a participação do secretário do SEDTC Fábio Branco, a secretaria de Educação de São Francisco de Paula, professora Ivone Marques Palma, professores da equipe do projeto piloto representando a UFRGS, PUCRS, IFRS/POA, UERGS, Fecomércio, Sebrae, Consulado Tcheco em Porto Alegre, além da UNIMINHO e da secretaria de Educação de Fortaleza.

Para 2017 ficou definido que o projeto passará a contar com um repasse financeiro, será constituído um comitê gestor e a abertura de um edital para a inscrição das escolas, com início em janeiro. Ainda no primeiro semestre deve ser lançado um livro com as experiências do primeiro ano do projeto. A publicação terá o apoio do Consulado Tcheco.

Outros municípios: O projeto apresentado por São Francisco de Paula mobilizou duas escolas para o combate ao mosquito da dengue. As escolas de Cambará do Sul, por sua vez, criaram uma horta comunitária e uma fábrica de brinquedos com a parceria de empresas da região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *